Exposição no Museu Alfredo Andersen reúne dois momentos da história da arte
28/10/2021 - 14:24

O que poderia unir o olhar de um pintor norueguês, radicado em Curitiba, nascido em 1860, e o de um artista plástico paulista nascido em 1960? Essa é a questão fundamental que a exposição Dois tempos, um mesmo olhar, em exibição no Museu Casa Alfredo Andersen, busca responder.

Na exposição será possível ver as obras de Alfredo Andersen, o norueguês que dá nome ao museu, em contato com a produção contemporânea do artista Alexandre Frangioni. A surpresa está na afinidade dos diferentes temas que interessam aos dois artistas, ainda que suas propostas estéticas sejam radicalmente diferentes. 

Um exemplo é o contato entre Duas Raças, óleo sobre tela de Andersen pintada em 1930, e Kate Moss, em referência à supermodelo, de Frangioni. As imagens se contrapõem e se complementam, tanto pelas decisões de enquadramento quanto pela forma como abordam as figuras femininas.

Luiz Gustavo Vidal, diretor do MCAA:


"Surpreendentemente, percebemos que os artistas dialogam, ambos abordando em suas obras temas essenciais da vida moderna", reflete a curadora, Adriana Rede, sobre o contato entre os dois artistas, que são "duas personalidades com estilos e técnicas distintos, separados por mais de um século", finaliza.

"Ao propor para a curadora Adriana Rede uma conexão entre tempo, espaço e artista com foco em nosso mestre Andersen, logo veio de pronto a indicação de Frangioni", comenta Luiz Gustavo Vidal, diretor do MCAA. "As questões sobre a sociedade atual, consumo, estampas, rótulos, quebra de paradigmas e economia, as quais vêm sendo tratadas há anos por Frangioni, dialogam e se relacionam diretamente com a própria existência de Andersen", complementa o diretor.

Alfredo Andersen
Kristiansand, Noruega, 1860. 
Recebendo uma sólida formação artística adquirida em instituições educacionais do norte da Europa, Andersen atuou como pintor, desenhista, cenógrafo, decorador, escultor e crítico de arte. Em 1892 realizou uma viagem partindo da Inglaterra para Buenos Aires. Contudo, aportou em Paranaguá, no Paraná,  onde permaneceu por dez anos, antes de chegar a seu destino, Curitiba. Casou-se com Anna de Oliveira, descendente de indígenas, com quem teve quatro filhos. Desenvolveu projetos para escolas oficiais de arte do estado. Orientou tendências,  realizando trabalhos pioneiros na formação de gerações de artistas. Como pintor e desenhista, documentou sua época dentro de três linhas temáticas: o retrato, a cena de gênero e a paisagem. Em 9 de agosto de 1935, Alfredo Andersen faleceu na sua residência-atelier, onde se situa hoje o Museu Alfredo Andersen. Pelo seu trabalho pictórico, passou a ser considerado o “Pai da Pintura Paranaense”.

Alexandre Frangioni
São Paulo, 1967 
Formado em Engenharia pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, 1989. Orientação de projeto artístico, ministrado pelo artista João Carlos de Souza, 2005 até o presente. 
Iniciou suas atividades nas artes visuais produzindo trabalhos que passaram pela pintura, fotografia, escultura e instalação, tendo, nessa trajetória, participado de exposições em diferentes lugares do Brasil. Atualmente sua produção artística é executada em ateliê próprio localizado em São Paulo.

Adriana Rede (curadora)
Campinas, SP, 1964
Curadora de Arte, com formação em Curadoria e Expografia, Crítica e História da Arte. Realiza exposições em museus e espaços culturais como MAC, USP, Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo, Caixa Cultural SP, SESC Curitiba, entre outros. Fez a curadoria de uma grande exposição com mais de 100 artistas participantes, Chapel Art Show, em São Paulo há 15 anos. Alguns exemplos de exposição fora do Brasil são Berlim e Croácia. Ministra palestras no Brasil e exterior. Membro do Comitê Central de Cultura do Grupo Mulheres do Brasil. Membro da APCA-Associação Paulista de Críticos de Arte.

Serviço
Museu Casa Alfredo Andersen - Rua Mateus Leme 336 - Centro
Dois tempos, um mesmo olhar
Visitação - de terça a domingo das 10h às 17h
http://www.mcaa.pr.gov.br/
@museucasaalfredoandersen
/museucasaalfredoandersen

GALERIA DE IMAGENS

Últimas Notícias